Os cús de Judas

Será um diálogo com alguém que não nos compreende um monólogo? Nos «cús de Judas» um médico veterano da guerra colonial relata uma experiência de intenso sofrimento a quem a não viveu, a uma mulher que acabou de conhecer, a nós leitores. Empurrado pelo álcool, parece relatá-la para si próprio, sem esperar retorno, empatia, compreensão. Transmite o desencanto dos Homens irremediavelmente sós, isolados por uma experiência transformadora que não conseguem partilhar.

A leitura de «Os cús de Judas» concede uma nova dimensão à capacidade de compreender o outro, principalmente quando o outro é alguém que viveu uma situação limite. Relata um episódio fundamental e insuficientemente conhecido da nossa história, que não nos deve ser alheio, pois quem o viveu está cá, no meio de nós, e o seu sofrimento permanece, agravado pela incapacidade de o comunicar. Acima de tudo, é um livro obrigatório por estar maravilhosamente escrito, de uma forma impossível de descrever.

“Outro vodka? É verdade que não acabei o meu mas neste passo da minha narrativa perturbo-me invariavelmente, que quer, foi há seis anos e perturbo-me ainda: descíamos do Luso para as Terras do Fim do Mundo, em coluna, por picadas de areia, Lacusse, Luanguinga, as companhias independentes que protegiam a construção da estrada, o deserto uniforme e feio do Leste, quimbos cercados de arame farpado em torno dos pré-fabricados dos quartéis, o silêncio de cemitério dos refeitórios, casernas de zinco a apodrecer devagar, descíamos para as Terras do Fim do Mundo, a dois mil quilômetros de Luanda, Janeiro acabava, chovia, e íamos morrer, íamos morrer e chovia, chovia, sentado na cabina da camioneta, ao lado do condutor, de boné nos olhos, o vibrar de um cigarro infinito na mão, iniciei a dolorosa aprendizagem da agonia”.

Título: Os Cús de JudasCús de Judas

Autor: António Lobo Antunes

Editora: Publicações Dom Quixote

Ano: 1983

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s